Publicidade

tudo viagens

Nove motivos para viajar para a Amazônia

Belezas naturais, gastronomia local, passeios de barco e hospedagem em copas de árvores são alguns dos atrativos da região

| ACidade ON -

a Amazônia encanta também por proporcionar passeios culturais e descobertas gastronômicas que só a região tem. (Foto: Divulgação)



Por Eduardo Gregori
edugregori@gmai.com

Paris, Nova York e Buenos Aires estão entre os top destinos de quem gosta de viajar, mas se eu te dissesse que, longe das grandes metrópoles, a Amazônia é um destino interessante e que atrai gente do mundo inteiro? Tire da mente aqueles tipos de filmes que mostram a região como inóspita, sem infraestrutura e perigosa.

Além de ar puro e muito verde, a Amazônia encanta também por proporcionar passeios culturais e descobertas gastronômicas que só a região tem. Isso sem mencionar o conforto que muitas hospedagens oferecem. Antes de pensar em pegar um avião e cruzar o Atlântico, vou listar 10 motivos para você subir em um avião, mas com destino a Manaus. 
 
GOSTA DE VIAJAR? CONFIRA AQUI DESTINOS IMPERDÍVEIS COM ÓTIMOS PREÇOS

Confira:

1. Importância global
A Amazônia é a maior floresta tropical do mundo. São quase 7 milhões de quilômetros quadrados, que abrigam a mais ampla biodiversidade do planeta e se estendem por países como Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru e Venezuela.

A biodiversidade da mata amazônica ocupa cerca de 60% do território brasileiro, passando por estados como Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Roraima, Rondônia e Tocantins.

2. Cenários inesquecíveis
Com um território tão amplo, a Amazônia ostenta paisagens naturais fascinantes. O Encontro das Águas, por exemplo, é uma das atrações mais famosas da região. Trata-se da confluência entre o rio Negro (de água preta) e o rio Solimões (de água barrenta).

3. Gastronomia única
Quem vai à Amazônia pode aproveitar o passeio para fazer uma viagem gastronômica. Vale a pena provar pescados como tucunaré, pirarucu, pacu e tambaqui.

Temperos e frutas locais, como cupuaçu, graviola, tucumã e patauá, também costumam conquistar o paladar dos viajantes.

4. Observação de animais
A Amazônia abriga 20% da fauna de todo o planeta. O número é tão impactante que muitos animais que habitam a floresta sequer foram descobertos por especialistas centenas de novas espécies são catalogadas a cada ano.

Há, inclusive, espécies endêmicas, como boto-cor-de-rosa, tartaruga-mata-mata e galo-da-serra. Além disso, a selva é lar de serpentes, borboletas, rãs, primatas, aves e até felinos, como a onça-pintada.

5. Hotéis integrados à mata
Engana-se quem pensa que se hospedar na Floresta Amazônica significa encarar um perrengue. É possível encontrar opções de hospedagem em meio à mata, com bangalôs construídos sobre palafitas na copa das árvores, que oferecem vistas privilegiadas da fauna e da flora local.

6. Trilhas pela floresta
Caminhar pela floresta é uma ótima oportunidade para curtir a natureza de perto e sentir a essência da Amazônia. Durante os trajetos, é possível observar animais, além de tirar belas fotos.

O ideal é sempre realizar esse tipo de atividade na companhia de profissionais especializados. Quem fica hospedado no Juma Amazon Lodge, por exemplo, conta com programações comandadas por guias, que passam informações a respeito da vida selvagem e indicam quais plantas são comestíveis ou medicinais.

7. Passeios de barco
Os passeios de barco também costumam atrair os viajantes que visitam a Amazônia. É possível optar por embarcações regionais ou se aventurar em canoas a remo para conhecer os igarapés (riachos) e igapós (floresta inundada que fica mais visível durante o período da cheia dos rios).

A época das secas é ideal para os fãs de pescaria. Dá até para programar um passeio para fisgar piranhas ou tucunarés.

8. Cultura indígena
A Amazônia também é lar de tribos indígenas. Algumas delas recebem viajantes e compartilham informações culturais com o público. É possível ver as ocas e até presenciar apresentações musicais e de dança.

9. Descanso e tranquilidade
A pandemia de Covid-19 e a necessidade de distanciamento social incentivaram a procura de viajantes por destinos naturais e remotos. Mesmo com o avanço da vacinação e a liberação do uso de máscaras em alguns locais do País, muitas pessoas ainda preferem tirar férias longe de aglomerações.


Onde ficar
Uma dica de hospedagem na região é o Juma Amazon Lodge. A hospedagem oferece experiência completa com passeios inclusos na tarifa, entre eles passeio em barco regional, focagem de jacarés, pescaria de piranha e caminhada na floresta. A pensão completa também faz parte do pacote e tem um menu especializado na culinária local e também internacional. Acomodação em bangalôs com varanda e vista para o Rio Juma, ventilador e banheiro individual.

Reserve sua estadia aqui!

Publicidade