Publicidade

tudo notícias

Homem é preso após agredir namorada e resistir à prisão

Foi necessário o uso de força policial para algemar o agressor; ele foi preso e encaminhado à delegacia

| Especial para o tudo ep -

O agressor resistiu à prisão, sendo necessário o uso de força policial para algemá-lo (Foto: Arquivo/PMMG)
Um homem foi preso na tarde deste domingo (18) após agredir a namorada e resistir à prisão, em Poços de Caldas (MG).

A Polícia Militar foi acionada e ao chegar ao local se deparou com a vítima, de 37 anos, pedindo para que o namorado, de 36, parasse de agredi-la.

De acordo com os militares, o agressor saiu da casa sujo de sangue e disse que estava socando a namorada porque ela teria lhe ameaçado com uma faca e que continuaria, porque isso era assunto de família e ninguém tinha nada a ver com isso.

LEIA TAMBÉM
Apostadores do Sul de Minas acertam quina da Mega-sena
Pouso Alegre perde o primeiro jogo por 2 a 0 contra o América-RN
Varginha amplia prazo de edital para recursos na área da cultura


Conforme boletim de ocorrência, a mulher estaria saindo de casa quando o agressor passou a xingá-la e a agredi-la com tapas. Ele a agarrou pelo cabelo e a arrastou para dentro de casa.

Ao passar pela cozinha, a mulher pegou uma faca de serra e, em seguida, correu para o banheiro e se trancou. O agressor quebrou a porta e foi para cima da vítima com duas facas na mão. Ele ainda teria pegado pedaços de pau e batido na cabeça da mulher, depois a agrediu com socos no rosto e na boca. O homem só cessou as agressões quando ouviu a polícia chegando no local.

A mulher teve cortes no dedo e um dente quebrado.

O agressor resistiu à prisão, sendo necessário o uso de força policial para algemá-lo, sendo ainda preciso amarrar as pernas do homem.

A vítima e o agressor foram encaminhados para a UPA e, em seguida, o homem foi preso e apresentado ao delegado de plantão, juntamente com o material apreendido.

LEIA MAIS
Trajetória do Pouso Alegre: da reativação à final da Série D

Publicidade