Publicidade

tudo inovação

São Carlos é referência nacional em desenvolvimento de software

Com a presença de grandes universidades, a cidade é polo de educação e inovação

| Tudo inovação -

Fachada da Usfcar em São Carlos. (Foto: Divulgação)

Quando se trata de inovação e tecnologia, São Carlos se destaca no país diante de seus números impressionantes. A maior parte das empresas de tecnologia de São Carlos atua em áreas como desenvolvimento de software, gestão empresarial e tecnologias focadas em marketing e saúde.  

São mais de 190 startups presentes na cidade uma para casa 1.332 habitantes. E em se tratando de população, com pouco mais de 254 mil habitantes a cidade possui nove polos de Educação.    

O destaque é para a presença de duas grandes unidades: o campus da USP (Universidade de São Paulo) e a Ufscar (Universidade Federal de São Carlos). Essa vocação garante um profissional doutor para cada 100 moradores quase 10 vezes mais que a media nacional. 

A forte característica educacional é agente fundamental para o desenvolvimento da inovação e de empreendedorismo voltado para a área tecnológica. E esta realidade é comprovada pelo fato de que, em 2021, a cidade aumentou consideravelmente os espaços e centros de inovação. Hoje a cidade é sede de 17 espaços de inovação e escritórios de coworking. 

TECNOLOGIA EM PROL DA SAÚDE
 
Em São Carlos, jovens empreendedores fundaram uma startup que desenvolveu um equipamento e um software capazes de diagnosticar doenças do fundo do olho. A partir da foto tirada com a câmera de um celular, o software analisa a retina, realizando um verdadeiro exame ocular. 

Startup cria equipamento e software para analisar a retina. (Foto: Reprodução EPTV)

O cofundador da startup, Flávio Pascoal, conta que o sonho nasceu de uma realidade pessoal de seu sócio, porém que transformou-se em realidade com o apoio e financiamento de instituições e de profissionais já experientes. 

Os empreendedores contaram com apoio da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), depois de terem o projeto selecionado e aprovado em edital, e também com o apoio de empresas. "Tivemos ajuda de duas grandes empresas. Uma delas apoiou a criação do produto e outra nos auxiliou na criação da nossa própria estrutura para que pudéssemos nos tornar o fabricante deste equipamento", afirmou. 

Para ele, o ambiente de formação e incentivo à tecnologia é fundamental para o desenvolvimento de iniciativas inovadoras como esta. "Isso tudo precisa ser muito bem costurado para que, lá no futuro, a ideia possa realmente virar uma empresa. Tem que ter muita garra, determinação e muita vontade para fazer acontecer", finalizou.

Publicidade