Publicidade

Dérbi Campineiro

Guarani recebe o Novorizontino e pode se afastar da ZR

Ponte Preta: Técnico Hélio dos Anjos quer disputar A2 do Paulistão pela Macaca em 2023

| Da redação -

Elenco do Guarani comemora no vestiário após vitória contra o Operário. (Foto: Reprodução/Redes Sociais/Guarani)
 

O Guarani entra no gramado do Brinco de Ouro, nesta terça-feira, às 21h30, fora da zona de rebaixamento. O Bugre está na 16ª colocação com 32 pontos, mesma pontuação do CSA, primeiro na ZR (Zona de Rebaixamento), mas com uma vitória a mais. Pra seguir fora da área de degola, o Guarani precisa vencer em casa o Novorizontino. O adversário também luta contra o rebaixamento, mas em uma situação um pouco mais tranquila, já que tem 36 pontos. 

O time de Novo Horizonte se afastou da ZR após vencer, na última sexta-feira (16), o Grêmio, 3º colocado da competição. Foi a estreia do técnico Mazola Junior, que teve que substituir sete desfalques. Contra o Guarani, o treinador não vai contar com o atacante Bruno Costa, suspenso, e com quatro jogadores que estão no DM (Departamento Médico): Ronaldo, Paulinho, Giovanni e Bruno Silva. Outros três atletas são dúvida: Ligger, Danielzinho e Cléo Silva. 

Já no Bugre, Mozart não conta com o meia Giovanni Augusto, que foi expulso contra o operário. Jenison, Edson, Eduardo Person e Richard Rios disputam a vaga. O zagueiro Derlan, contundido, também está fora da partida desta terça-feira. O substituto deve ser Ronaldo Alves. Outro zagueiro, Ivan Alvariño, e o atacante Júlio Cesar também não estão em condições de jogo. 

INGRESSOS 

Os ingressos para Guarani X Novorizontino ainda estão à venda. São duas promoções: O preço dos ingressos será único, com o torcedor pagando meia com a camisa do clube. A inteira sai por R$ 20 e a meia sai por R$ 10. Sócio-campeão pode adquirir até cinco ingressos pelo valor de R$ 5 cada, mas precisa estar em dia com o clube. 

O torcedor pode fazer a compra online, pelo site: www.ingressosa.com. A venda física nas bilheterias acontece até o intervalo do jogo.   

 

 

LEIA MAIS 

Família Campo Belo vence o Campeonato Amador de Campinas - Série Ouro B

Com transmissão do TUDO EP, Campos Elíseos soma 3 pontos e lidera Grupo C

 

 

Hélio dos Anjos, técnico da Ponte Preta, durante treino. (Foto: Reprodução/Redes Sociais/Ponte Preta)

HÉLIO DOS ANJOS QUER SEGUIR NA PONTE EM 2023 


O técnico da Ponte Preta, Hélio dos Anjos, disse em entrevista a uma rádio de Campinas, nesta segunda-feira (19), que quer permanecer na Macaca em 2023. Não é a primeira vez que o treinador manifesta essa vontade. Durante a coletiva de imprensa, depois do empate em 1 a 1 contra o Ituano, na semana passada, Hélio já tinha dito que quer disputar a A2 do Campeonato Paulista com a Ponte. 

"Não vejo qualquer demérito em fazer a A2, principalmente pela grandeza da Ponte Preta. Isso me estimula muito. O que também me estimula bastante é a boa relação com o clube, não somente com o presidente, com capacidade grande de administrar situações, mas também com a direção. Gosto do clube como um todo. Se eu tiver a oportunidade de continuar na Ponte, estarei muito bem", disse o treinador nesta segunda-feira. 

"Se Deus me der a oportunidade de disputar a Série A2, serei agradecido. Acho que tudo vai ter o seu tempo certo para ser conversado. Acredito na possibilidade muito grande da continuidade do trabalho a partir do momento que a gente definir nossa situação da Série B, que ainda exige cuidado", concluiu. 

Na entrevista, Hélio dos Anjos também falou sobre técnicos que inspiraram sua carreira, citando Cláudio Coutinho, Carlos Alberto Silva e Jair Picerni. Hélio chegou a trabalhar com Claudio Coutinho na época de jogador no Flamengo. "Eu tinha apenas 20 anos e como jogava pouco, tinha tempo para observar. O Coutinho tinha uma facilidade enorme de conduzir um grupo com maestria. Também tive a chance de acompanhar o Carlos Alberto Silva ainda na Caldense e também sempre admirei o Jair Picerni. Procuro usar a questão da profundidade de jogo para impor em minha equipe", finalizou o treinador. 

A Ponte Preta está em 8º lugar na Série B do Campeonato Brasileiro com 40 pontos, 8 atrás do Vasco, último colocado no G-4 (Grupo de Acesso), e 8 a frente do CSA, primeira equipe na ZR

O próximo desafio da Macaca é contra o Londrina, 5º colocado, fora de casa, na sexta-feira (23) às 21h30. 

 

LEIA TAMBÉM 

5 atitudes matadoras para você lidar melhor com o dinheiro

Publicidade