Publicidade

tudo decor

Rodapés: proteção e acabamento para qualquer ambiente

São os responsáveis por dar acabamento às paredes, como uma moldura para o ambiente e você pode escolher entre diversas opções

| Especial para o tudo ep -

 

Rodapé branco, mais destaque e contraste

 

Os rodapés têm a função de proteger as paredes de algumas situações, como uma batida de vassoura, impactos causados pelos móveis e também da umidade, principalmente em áreas frias onde a presença da água é frequente. Além de ser um acabamento, que esconde a junta de dilatação e possíveis imperfeições que possam apresentar na junção com o piso.

Estas são as razões de instalar os rodapés, porém são peças que vão muito além da sua função. Por conta de diversas opções que hoje o mercado disponibiliza, ele se tornou um elemento decorativo com alto potencial estético. 

São os responsáveis por dar um acabamento às paredes, como uma espécie de moldura para o ambiente e você pode escolher entre diversas opções como a madeira, mdf, porcelanato, cerâmica, pedras como o granito e mármore, cimentício, gesso, sintético, PVC e o poliestireno.  

Leia também: 

Painel Ripado: Conheça as vantagens e desvantagens 

Dicas e sugestões para escolher a sua cabeceira ideal


Existem também os coloridos, espelhados e até os invertidos, que são conhecidos como rodapés flutuantes. 

Rodapé de madeira, mesmo material usado no piso


Madeira 

Um dos materiais mais comuns, atualmente é possível encontrar modelos de cores e tamanhos variados.
Os rodapés de madeira não são adequados para áreas molhadas, devido à baixa resistência à umidade. Além disso, necessitam de tratamento anti-cupim para mais durabilidade. 


MDF 

O material possui boa qualidade e durabilidade e menor custo se comparado com a madeira natural, sendo bastante utilizado para combinar com pisos laminados ou de madeira.
O MDF tem a desvantagem de estufar, caso haja excesso de umidade. Por isso, não é recomendado em áreas molhadas. Para uso nessas áreas busque por modelos específicos de MDF com proteção.  

Rodapé colorido

Poliestireno 

O poliestireno é um tipo de plástico e trata-se de um material durável, muito resistente a cupins e à umidade, sendo indicado para áreas molhadas cozinhas e banheiros. 

Outra vantagem é que possível esconder a fiação elétrica devido à sulcos internos que permitem a passagem de cabos.
A instalação desse tipo de rodapé é bastante prática, sendo realizada com cola especial. 


Cerâmica e porcelanato 

Os rodapés cerâmicos ou em porcelanatos são bastante utilizados quando a proposta é usar o mesmo material para os pisos e rodapés. A grande vantagem, além de aproveitamento do material, é que são resistentes à umidade, podendo ser aplicados em área molhadas como banheiros, cozinhas e áreas de serviço. 

Outro benefício é a resistência, sendo também indicados para áreas externas. 

Pedras, granito e mármore 

Certamente são soluções para um projeto mais sofisticado, visto pelo custo alto deste material.
A grande vantagem é que podem ser utilizados em todas as áreas do imóvel. São fáceis de limpar, resistentes, além de muito elegante. 

Cimentício 

O rodapé cimentício é uma opção muito versátil, pelo fato de atender desde as lajotas como os revestimentos. Pode ser aplicado em área interna e externa. É sustentável e resistente. 

Gesso 

A durabilidade do rodapé de gesso depende das condições a que ele está exposto. É necessário mantê-lo longe do atrito com pessoas ou outros materiais, evitar excesso de umidade e a manutenção periódica são cuidados que farão a diferença para a durabilidade do rodapé de gesso.

Cada rodapé apresenta uma característica. Identifique qual combina mais com o seu estilo e o mais viável para o seu orçamento. 



@raquelsabbagh.interiores












Publicidade